Mensagem do Pai

10:48 Escola Flor da Vida 0 Comments



Fiz lindas águas sob a forma de cachoeiras, lagos, rios, riachos, fontes, mares.
Fiz lindas terras sob a forma de colinas, montes, montanhas.
Fiz lindos ares sob a forma de vento, brisa.
Fiz lindos pássaros para voarem nos céus: águias, gaivotas, falcões, gaviões.
Fiz lindo fogo para que se esquentassem: dei-lhes o sol.
Fiz um coração que sou Eu mesmo dentro de ti.
Um pedaço de carne vivo que Sou Eu.
Coloquei o mar bem vasto e gigantesco para que não o poluíssem.
Coloquei o céu bem distante e gigantesco para que não o poluíssem.
Deixei árvores para que lembrasses que tu és a simplicidade de meu Enraizamento na Terra.
Te dei um campo eletromagnético invisível para que recebesses minha vibração.
Não deixaste nada sem contaminar.
Conseguistes contaminar as águas, a terra, o ar, o eletromagnetismo.
Ainda assim, inspirei e inspiro grandes homens e mulheres que te trazem a Verdade, que te abrem os olhos, os ouvidos e o coração.
Ainda assim dizes “Não” para mim.
Enquanto continuo dizendo “Sim” para você.
Se um vizinho te rouba o que julgas que é teu, não perdoas. Alimenta dentro de ti o ódio, a raiva, o ressentimento, a mágoa, a depressão.
Contudo, denegristes tudo que te dei, e ainda assim eu o Amo e Te Chamo de: FILHO.
Aprenda de mim.
Sou puro de coração.
Mas abre bem os teus olhos e ouvidos.
Um dia sentirás que tudo que fizeste foi torpe e desejarás desesperadamente reparar teu erro.
Eu estarei aqui, como sempre, aguardando tua volta e pronto para dar-lhe forças para que CONSTRUA ao invés de DESTRUIR.
Com amor,
Teu Pai
(Canalizado em 28/12/2012, às 16:06h) Por Polì Cardoso

0 comentários: